11/01/2022 às 09h00min - Atualizada em 11/01/2022 às 09h00min

Secretário de Saúde de Goiás lamenta morte de parentes que tiveram carro soterrado após deslizamento: ‘Deus conforte’

Quatro familiares e o motorista do veículo voltavam de uma viagem de férias, quando foram atingidos. Ismael Alexandrino disse que parentes ficaram desaparecidos dois dias.

O secretário de Saúde de Goiás, Ismael Alexandrino, confirmou na tarde desta segunda-feira (10) a morte de familiares após um deslizamento de terra na região de Itabirito (MG). Moradores de Aquidauana, a família estava desaparecida desde o dia 8 deste mês, após tomarem uma estrada alternativa para evitar um bloqueio em rodovia, a caminho do Aeroporto de Confins, em MG.

As vítimas são Henrique Alexandrino dos Santos, 41 anos, Deisy Lúcia Cardoso Alexandrino Santos, 40 anos, e as crianças Vitor Cardoso Alexandrino Santos e Ana Alexandrino Santos, de 6 e 3 anos, respectivamente — todos eram moradores em Aquidauana. Também faleceu o motorista do veículo, Geovane Vieira Ferreira, de 42 anos.

Relato de uma familiar aponta que, por volta das 13h25min do dia do desaparecimento, a família avisou, por telefone, que tomaria outra rota por uma estrada alternativa, para evitar um bloqueio na BR-040, em Brumadinho (MG). Eles estavam em um Toyota Corolla de cor prata.

Ismael confirmou que as vítimas foram encontradas mortas no carro, que estava soterrado dentro do condomínio Retiro do Chalé. Os ocupantes do veículo teriam passado pela estrada do Topo do Mundo, após encontrarem interdição na rodovia.

O fluxo na estrada foi paralisado devido ao rompimento do dique de contenção da Mina Pau Branco, da Vallourec Mineração.

Fonte: Midiamax


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »