12/04/2019 às 14h07min - Atualizada em 12/04/2019 às 14h07min

FIFA 19: Pedro Resende analisa ranqueamento do jogo e elogia brasileiros

''O Brasil está entre os países com mais players em alto nível'', afirma o jogador em entrevista ao TechTudo

O cenário profissional de FIFA 19, simulador de futebol da EA Sports, nunca esteve tão recheado de atletas brasileiros. Não à toa, o país foi convidado para disputar a eNations Cup, torneio que reúne as nações mais relevantes do competitivo do jogo entre os dias 13 e 14 de abril. Apesar de não ter se classificado para o campeonato, Pedro Resende é um dos principais jogadores dessa geração e figura atualmente na quarta colocação do ranking mundial do Xbox One. Em conversa com o TechTudo, o player da M10 eSports elogiou os outros jogadores brasileiros e analisou as novas regras adotadas para esta temporada competitiva.
Lançado em setembro de 2018 pela EA Sports, FIFA 19 está disponível para PlayStation 4, Xbox One, PlayStation 3, Xbox 360, PC, Nintendo Switch e na versão mobile para celulares Android e iPhone (iOS). O simulador de futebol conta com 36 ligas e modos de jogo online e offline.
O circuito oficial de FIFA 19, também conhecido como Global Series, começou em outubro de 2018. Desde então, vários torneios foram disputados, com destaque para as tradicionais FUT Champions Cups – eventos mensais que reúnem os melhores jogadores do planeta. Em seis edições até o momento (de novembro a abril), o Brasil emplacou pelo menos cinco competidores em cada campeonato. Resende participou de cinco das edições.
Além do goiano de 21 anos, outros 19 brasileiros marcaram presença em pelo menos uma edição: Fifilza, Tore, Zezinho, Rodrig_1401, Senna do Boné, Ebinho, Thiago Maciel, Brenner Silva, Felipe Abd, Vini Leiva, Klinger Castro e Spider Kong.
Os resultados realmente comprovam a boa performance do país no competitivo. ''Com toda certeza o Brasil está entre os países com mais players em alto nível. Estamos demonstrando isso. A cada campeonato, um nome diferente. Se não estivermos entre os dois melhores, somos o país com mais alto nível'', analisa o atleta.
Pedro Resende considera ''perfeito'' o regulamento adotado para FIFA 19 e seu sistema competitivo ''Os torneios qualificatórios online ficaram interessantes. Claro que também vem a parte que não temos tanto descanso no calendário como antes, mas acredito que essa seja a melhor forma'', crava o pro player.
Além das eliminatórias regionais, a EA Sports anunciou outras novidades, como o ranqueamento baseado em Global Series Points. Esses pontos são distribuídos de acordo com a performance apresentada pelo atleta em eventos competitivos. Segundo o craque, a regra premia jogadores que são consistentes durante todo o calendário. ''Te induz a ter uma boa temporada e não se classificar para um ou dois torneios e se garantir no Mundial'', explica.
Apesar de todos os elogios de Resende ao jogo, o game de 2019 recebeu muitas críticas da comunidade pelas suas falhas e bugs. ''Como todo jogo, FIFA também tem erros. Claro que a nova versão acumulou mais erros do que versão anteriores, mas prefiro tentar esquecer e praticar. Acredito que não irá adiantar ficar reclamando. A mente deve estar focada no seu trabalho e não nos erros do jogo'', minimiza o jogador.

 
A temporada competitiva de FIFA 19 está em sua reta final. Os jogadores terão pela frente mais quatro compromissos antes do Pré-Mundial: eNations Cup, e-Champions League e dois eventos licenciados (Atlanta e Bucareste). Os 60 melhores colocados de cada console estarão automaticamente classificados para os playoffs em junho.
 
Fonte: TechTudo
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »