30/11/2018 às 14h35min - Atualizada em 30/11/2018 às 14h35min

Idosa morre após ser atropelada por motorista bêbado enquanto atravessava a rua

Uma idosa de 69 anos morreu após ser atropelada enquanto atravessava uma avenida, na Vila Aurora, em Goiânia. Após ser atingida, Teresinha Laudelina Gonçalves Dias chegou a ser socorrida e levada ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos. O microempresário Divino Alves Diniz Silva, de 33 anos, que conduzia o veículo, foi preso logo após passar pelo teste do bafômetro, o qual constatou que ele estava embriagado.
O acidente aconteceu na tarde de quinta-feira (29), na Avenida Nazareno Roriz. O preso ainda não tem advogado. Em seu depoimento, Divino afirmou que a idosa atravessou a rua repentinamente e que tentou frear, mas não conseguiu e atingiu a vítima.
O motorista disse também que permaneceu no local e prestou socorro à vítima. Por fim, ele admitiu que havia ingerido "apenas uma lata de cerveja" depois do trabalho e que voltava para casa no momento da batida.
                             

                              
Porém, no veículo dele também foi encontrada uma lata de cerveja. Além disso, o teste do bafômetro acusou 1,22 miligramas de álcool por litro de ar expelido, mais de três vezes a quantidade mínima para configurar crime de trânsito.
Com o impacto, o para-brisa dianteiro do carro, um Ford Fiesta, trinou. A idosa foi socorrida com fratura no braço, além de lesões na cabeça e no peito. Aparentemente, conforme a ocorrência, ela não corria risco de morte. Porém, no hospital, sua situação se agravou e ela acabou morrendo.
Ele foi autuado em flagrante por homicídio culposo na direção de veículo automotor com a qualificadora de fazê-lo sob efeito de álcool. A pena neste caso, se houve condenação, varia de 5 a 8 anos.
 
Fonte: G1
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »