Destakinews Publicidade 728x90
30/06/2023 às 14h27min - Atualizada em 30/06/2023 às 14h27min

Operação da PF mira organização paramilitar especializada no tráfico de drogas e armas

Agentes da PF (Polícia Federal) deflagraram na manhã desta sexta-feira (30), a Operação Magnus Dominus. O objetivo é desarticular organização criminosa paramilitar a serviço do tráfico internacional de drogas e armas entre o Brasil e o Paraguai, com atuação nas cidades de Ponta Porã, no Mato Gross do Sul e em Pedro Juan Caballero, no Paraguai.

A ação policial cumpre 11 mandados de busca e apreensão e 12 mandados de prisão contra nove brasileiros, um italiano, um romeno e um grego, em complexa operação policial, com deflagração simultânea nos estados do Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, São Paulo e Rio Grande do Sul.

Segundo informações da PF, a Magnus Dominus, envolve mais de 100 Policiais Federais, das diversas delegacias e ainda do Comando de Operações Táticas e da Coordenação de Aviação Operacional da Polícia Federal.

A operação mira grupos e criminosos cujos membros são apontados pelas investigações como de elevada expertise ática/operacional, com cursos nacionais e internacionais na área de segurança militar privada e atuação em guerras, além de seguranças militares privados de embarcações contra piratas da Somália, recrutados justamente pela sua experiência nesse tipo de serviço.

Durante as investigações, constatou-se que a ORCRIM detém grande poder bélico, com equipamentos de última geração como coletes balísticos, drones, óculos de visão noturna, granadas, e armamento de grosso calibre, a exemplo de fuzis .556, 762 e .50, este capaz de perfurar blindagens e abater aeronaves.

Para viabilizar o cumprimento simultâneo de medidas no Paraguai, foi implementada intensa cooperação policial direta com as autoridades paraguaias, contando também com a participação do Ministério Público Federal.

O nome da operação, Magnus Dominus, que significa “o todo poderoso” em latim, faz alusão ao líder do grupo criminoso, o qual se auto intitulava como DOM, em referência a Dom Corleone, do clássico filme “O Poderoso Chefão”.

Fonte: Midiamax

 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Destakinews Publicidade 1200x90