01/02/2022 às 16h25min - Atualizada em 01/02/2022 às 16h25min

Irmãos sofrem queimaduras graves ao acenderem fogão a lenha com álcool por não ter dinheiro para gás de cozinha, diz bombeiro

Corporação disse que menino de 7 anos teve 56% do corpo queimado e irmão, de 12, 36%. Eles iam esquentar jantar enquanto pais haviam saído para receber benefício do governo e fazer compras.

Dois irmãos de 7 e 12 anos sofreram queimaduras graves ao acenderem um fogão a lenha com álcool por não ter dinheiro para gás de cozinha, conforme informou o Corpo de Bombeiros. De acordo com o tenente Márcio Nero, o menino mais novo teve 56% do corpo queimado e o irmão, 36%.
O acidente aconteceu por volta das 20h de segunda-feira (31), na zona rural de 
Guarani de Goiás, no nordeste do estado. De acordo com a corporação, os meninos estavam tentando esquentar o jantar, quando se machucaram. Os pais das crianças tinham saído para receber um beneficio do governo federal.
“Uma fatalidade. É uma família muito carente. Lá não tinha gás e eles faziam a comida no fogão a lenha. Os pais tinham ido à cidade para receber o benefício do Bolsa Família e fazer compras”, disse o tenente.
De acordo com a corporação, o menino mais velho tentava acender o fogão a lenha quando o mais novo jogou o álcool para que o fogo ascendesse mais rápido, no entanto, acabaram se ferindo. Eles tiveram queimaduras de 1º e 2º grau.
“Apesar de estarem conscientes, a situação foi muito grave. O mais velho teve queimaduras da cintura para baixo e o mais novo, as chamas o atingiram da cintura para cima”, contou Nero.
Os dois foram levados ao Hospital Municipal de Posse, que na cidade vizinha, a cerca de 40 km da casa dos irmãos. Como os nomes deles não foram divulgados pela corporação, o g1 não conseguiu verificar qual era o estado de saúde deles na tarde desta terça-feira (1º).

Fonte: G1 Goías

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »