27/07/2021 às 10h54min - Atualizada em 27/07/2021 às 10h54min

Em menos de 24h, Polícia Civil fecha 4 bocas de fumo em Costa Rica, encontra drogas em forro de cama e até enterradas em quintal

Somente nesta segunda-feira (26), a Polícia Civil de Costa Rica fechou quatro bocas de fumo na cidade e prendeu quatro traficantes. Foram apreendidas durante as ocorrências maconha e cocaína, que eram escondidas em diferentes lugares como forro de cama e até enterrada no quintal. A polícia também apreendeu celulares dos suspeitos e apetrechos utilizados no preparo do entorpecente, como balança de precisão e plástico filme.

O delegado titular da DP de Costa Rica, Caique Ducatti enfatizou que o efetivo foi reforçado, dando mais celeridade nos inquéritos e, desta forma, mais tempo para que as equipes façam ações repressivas. “Recebemos mais policiais para reforçar a ação diária da polícia, sobretudo na atividade repressiva”, destacou Ducatti.

O delegado também afirmou que o número de inquéritos diminuiu, dando mais tempo para as investigações. “Isso porque, há cinco meses havíamos em torno de 600 inquéritos e hoje temos em torno de 70. Devido a essa redução, celeridade nas investigações e na conclusão dos procedimentos enviados ao judiciário, nós temos mais tempo para trabalhar efetivamente contra o tráfico de drogas”.

As operações continuam na cidade. “Essas operações serão realizadas novamente nos próximos dias, quando faremos outras prisões em flagrante e retiraremos mais drogas da nossa cidade. O importante é a gente reduzir e ter o controle efetivo do tráfico de drogas”, destacou o delegado.

Prisões

A última ocorrência registrada foi por volta das 17h30, quando os policiais do SIG (Setor de Investigações Gerais) receberam informação anônima de que um homem estaria vendendo drogas em sua casa, inclusive que naquele momento estava pesando e embalando drogas para o comércio.

Diante do fato, os investigadores, ao entrarem na casa, encontraram e detiveram o suspeito. Em buscas, foram encontrados dois tijolos de maconha, devidamente embalados, no chão da cozinha, e também uma balança de precisão. Dentro de um buraco no terreno da casa, foram encontrados mais dois tijolos de maconha, devidamente embalados. Também foram encontradas oito porções de maconha, prontas para o comércio.

A polícia apreendeu a quantia de R$ 374,00, que estava dentro de uma gaveta, no armário da cozinha e, no chão da sala, um rolo de papel filme utilizado para preparar a droga. Diante dos fatos, ele foi preso em flagrante por tráfico de drogas.

Outros casos

Mais uma boca de fumo é fechada em Costa Rica pela Polícia Civil do município

A primeira prisão ocorreu por volta das 8 horas de hoje, na rua 12, em Costa Rica. Durante buscas, as equipes encontraram dentro do quarto, em um bebê conforto, um embrulho, com sete porções de crack, envolta de plástico, com peso de 3,0 gramas. Além disso, os policiais encontraram, dentro do guarda-roupa, no bolso de uma camisa, uma balança de precisão, em regular funcionamento e usada para pesar entorpecente.

Também foi apreendida a quantia de R$ 115 que estava dentro de uma gaveta e uma munição de calibre .762, que é uma munição usada em fuzil – arma de alto calibre. Então, por conta dos indícios e provas de materialidades dos crimes, e posse ilegal de munições de uso restrito, o homem foi autuado em flagrante.

2ª prisão

Solta há 3 meses após cumprir pena por tráfico, mulher volta a vender maconha especial e acaba presa pela Polícia Civil de Costa Rica

A segunda prisão foi realizada na tarde desta segunda-feira. A mulher já vinha sendo investigada, já que foi autuada três vezes por tráfico de drogas, tendo uma condenação inclusive pelo mesmo crime. Ela foi solta no dia 16 de abril. “Ela foi presa três vezes, em Paranaíba e duas vezes em Costa Rica”, explicou o delegado Caique Ducatti.

Os policiais foram até a casa da mulher e, durante campana, viram que ela guardava na casa cinco tabletes de maconha e metade de um tablete, em cima da cama do quarto. Diante do fato, os policiais civis entraram na casa e detiveram a mulher.

Foram apreendidos cinco tabletes de maconha, devidamente embalados, e meio tijolo de maconha, todos pesando cerca de 5 quilos. “A maconha que ela guardava em casa era especial, mais cara, vendida por um valor superior a maconha comum”, enfatizou Ducatti. A polícia também apreendeu o celular da mulher. Assim, foi autuada mais uma vez, em flagrante, por tráfico de drogas e levada para a delegacia de Polícia Civil.

3ª prisão

Traficante é flagrado com maconha e cocaína em forro de cama e acaba preso por policiais civis de Costa Rica

A terceira prisão foi de um homem de 23 anos. Os investigadores davam continuidade à ações contra o tráfico de drogas na cidade, quando receberam a informação de que um homem estaria comercializando entorpecentes em sua casa, na rua Jairo Rodrigues de Carvalho, Centro de Costa Rica.

Diante disso, foram até a casa, onde foram recebidos pela mãe do suspeito, que permitiu a entrada. Durante as buscas, no forro da cama, foi encontrado metade de um tijolo de maconha, pesando 271,00 gramas. Também foram apreendidos três pedaços de maconha, pesando seis gramas, três pinos de cocaína, pesando uma grama, que estavam dentro do guarda-roupas. Assim, diante do flagrante, ele foi autuado pelo crime de tráfico de drogas.

Fonte: MS Todo Dia


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »