08/06/2021 às 10h18min - Atualizada em 08/06/2021 às 10h18min

Dado como desaparecido, menino de 3 anos andou 17 quadras até a casa do pai para fugir de maus-tratos

O menino de 3 anos de idade que foi encontrado nesta segunda-feira (07), depois de ficar desaparecido desde às 8 horas da manhã, estava fugindo de maus-tratos. Ao menos é o que relata a autoridade policial da DEPCA (Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente), responsável pelas investigações do caso.

De acordo com a Polícia Civil, o menino saiu de casa cedo e andou por aproximadamente 17 quarteirões sozinho pelo Parque do Sol, até chegar à casa do pai, que fica no mesmo bairro. A criança disse ao pai que não queria mais ficar com a mãe, pois ela a agredia constantemente com cabo de vassoura e cinta.

Diante de tais relatos, o pai procurou a DEPCA e registrou boletim de ocorrência por maus-tratos. Ele teria dito ainda à Polícia Civil que tem guarda compartilhada do filho, mas diante do ocorrido, vai solicitar à Justiça a guarda unilateral. Além disso, pediu medidas protetivas para que a mulher não se aproxime da criança.

Sumiço 

Nesta manhã, o menino estava na área da frente da casa, enquanto os familiares faziam o café, por volta das 8 horas. Em questão de minutos, ele desapareceu. O portão da residência que estava apenas encostado foi encontrado aberto. Diferente do que foi noticiado anteriormente, a polícia informou que o garoto conseguiu chegar sozinho à casa do pai.

Fonte: Midiamax


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »