16/02/2019 às 11h12min - Atualizada em 16/02/2019 às 11h12min

Corinthians e São Paulo agitam mercado, mas reforços ainda não embalam em início de temporada

Juntos, rivais contrataram 17 jogadores; Majestoso deste domingo é chance para eles brilharem

Corinthians e São Paulo, adversários deste domingo, às 19h, em Itaquera, foram protagonistas na última janela de transferências, cada um à sua maneira. Mesmo sem gastar muito, o Timão contratou nomes de peso, como Boselli, Ramiro e Vagner Love. O Tricolor, por sua vez, repatriou o ídolo Hernanes e abriu os cofres para ter o atacante Pablo.
Juntos, os rivais contrataram 17 jogadores para esta temporada. No Corinthians chegaram dez reforços, ao custo de cerca de R$ 21 milhões. O 11º será o zagueiro uruguaio Bruno Méndez, que é esperado no Brasil na próxima semana. Já o Tricolor investiu R$ 45 milhões em sete atletas.
Porém, não é exagero dizer que nenhum dos contratados brilhou até o momento em 2019.
O Majestoso deste domingo, válido pela sétima rodada do Paulistão, se apresenta como uma grande oportunidade para estes jogadores começarem a deslanchar. Veja abaixo um panorama sobre os reforços de Corinthians e São Paulo:
 
Em construção
 
Quatro dos dez reforços do Corinthians vêm sendo titulares: Manoel, Ramiro, Sornoza e Vagner Love. Nenhum deles, entretanto, se destacou até agora.
O único jogador a brilhar no Timão neste início de temporada é um velho conhecido da Fiel torcida: Gustagol, contratado em 2016, e que voltou de empréstimo neste ano. Ele marcou seis dos oito gols do clube na temporada.
Para o técnico Fábio Carille, é questão de tempo para os reforços crescerem de produção:
– Não tenho dúvidas de que quando o coletivo melhora, o individual melhora também. É o jogar sem pensar, entrosamento... Muitos jogadores estão chegando, casos de Gustavo voltando, Ramiro, Sornoza, Manoel, Sergio Díaz. Tenho para mim que, na hora que estiverem mais entrosados, souberem como o companheiro gosta de dominar, se (o passe) é em profundidade ou no pé, vai melhorar. São erros normais para um grupo novo e com pouco tempo de trabalho – afirmou.
 
Veja abaixo um resumo dos reforços do Timão até aqui em 2019:
 
André Luís (3 jogos): contratado da Ponte Preta, atacante começou o ano como titular, mas não convenceu. Virou reserva e nem sequer foi inscrito na Copa Sul-Americana.
Boselli (4 jogos): um dos principais reforços do Timão para 2019, o argentino de 33 anos ainda não marcou. Centroavante estava no Léon, do México, e ouviu de Carille que precisa se adaptar à intensidade do futebol brasileiro. Boa fase de Gustagol dificulta a entrada dele na equipe.
Gustavo Silva (5 jogos): chegou ao Corinthians no ano passado, após fim de contrato com o Coritiba, mas só estreou nesta temporada. Tem ficado como opção no banco.
Júnior Urso: volante chegou ao Timão há duas semanas e pode fazer a estreia no Majestoso.
Manoel (4 jogos): emprestado pelo Cruzeiro, zagueiro foi bancado pelo técnico Fábio Carille como titular ao lado de Henrique, apesar de estar recebendo críticas de parte da torcida.
Michel Macedo (1 jogo): reserva de Fagner, lateral-direito foi prejudicado neste início de temporada por uma lesão muscular.
Ramiro (8 jogos): só ficou fora de uma partida no ano, mas vem tendo atuações apagadas. Carille ainda busca a posição ideal para ele.
Richard (4 jogos): começou 2019 como titular e não foi bem. Foi para o banco quando Ralf se recuperou de lesão.
Sornoza (6 jogos): alternou bons e maus momentos. Deu três assistências e é o líder do quesito no Timão em 2019.
Vagner Love (3 jogos): tem demonstrado muita dedicação e bom preparo físico, mas ainda não conseguiu balançar as redes. Contra o Racing, na última quinta-feira, perdeu chance clara de gol.
 
Pressionado
 
Dos sete jogadores contratados pelo São Paulo para esta temporada, três chegaram com status de titular: Hernanes, que voltou para sua terceira passagem, Pablo, contratação mais cara do ano, e Tiago Volpi, esperança de firmar um goleiro após a era Ceni.
As outras quatro contratações foram de jogadores para compor elenco, casos dos laterais Léo e Igor Vinicius, do volante Willian Farias e do atacante Biro-Biro. A diretoria do Tricolor ainda monitora a situação de Pato. Mas só pretende entrar em negociação se o atacante rescindir contrato na China.
O diretor executivo Raí, responsável pelas contratações do Tricolor, está sob pressão por conta dos maus resultados do time, eliminado da Copa Libertadores na última quarta-feira. Questionado sobre a qualidade de seu trabalho no comando do futebol tricolor, ele disse:
– Bom trabalho para o momento do São Paulo será quando conquistar títulos. Cometi erros e acertos. Vamos ver meu período e esperar se consigo trazer títulos. Estou me dedicando ao máximo e dando tudo de mim para que isso aconteça. Todos erram e acertam. Temos de reconhecer quando não dá certo – declarou o diretor-executivo São Paulo, Raí, ao ser questionado sobre o trabalho.
 
Veja abaixo um resumo dos reforços do Tricolor até aqui em 2019:
 
Tiago Volpi (7 jogos): o goleiro foi o reforço do São Paulo que mais vezes entrou em campo. Com sete gols sofridos, ainda não teve uma atuação de destaque e falhou algumas vezes.
Pablo (6 jogos): reforço mais caro (custou R$ 26,6 milhões), o atacante começou bem o ano, com dois gols, mas depois se perdeu na bagunça tática que virou o time.
Hernanes (5 jogos): demorou a ter condições reais de jogo por conta de um desequilíbrio muscular. É a principal esperança de talento, mas ainda não chamou a atenção. Fez um gol.
Willian Farias (4 jogos): reserva, ganhou duas chances no Paulista e duas na Libertadores, uma entrando no segundo tempo e outra de titular no jogo da queda. Fez o simples.
Igor Vinicius (2 jogos): destacou-se com boa atuação diante do São Bento, mas ficou fora da lista de André Jardine para a Libertadores. Pode ganhar chance com a mudança de comando.
Biro-Biro (1 jogo): demorou a estrear por conta de um problema burocrático e, depois que foi liberado, teve problema intestinal. Mesmo assim, ainda teve poucas chances de jogar.
Léo (1 jogo): é o reserva imediato de Reinaldo, mas só teve uma oportunidade de mostrar o seu futebol até aqui.
 
Fonte: Globo Esporte
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »