26/09/2019 às 17h11min - Atualizada em 26/09/2019 às 17h11min

Rifa Beneficente em Prol a Reitile Rai Assis Silva, colabore

Rifa beneficente em prol ao um jovem que esta com esclerose múltipla e precisa de medicamentos

Adriano Diogo
Adriano Diogo ( Destakinews )
Atenção esta sendo vendido na cidade uma RIFA BENEFICENTE  de R$ 10,00 que da direito a participar do sorteio de uma Bezerra, onde será sorteado na Integração FM dia 14 de dezembro de 2019 as 12:00hs.
OBJETIVO:
Esta rifa é em prol ao jovem Reitile  Rai  Assis Silva de apenas 25 anos, Reitile é filho da Weila Assis, onde o mesmo precisa de fazer um tratamento onde o mesmo tem uma doença grave chamada ESCLEROSE MÚLTIPLA.
Segundo sua Mãe Weila ainda não consseguiu as medicações pelo SUS, porem é um tratamento de alto custo e claro que o SUS irá ajudar mais demora enquanto isso o jovem precisa do medicamento, quem puder ajudar é só ligara para o numero (64) 9 9902-6080 fale com a Mãe do Jovem a Weila, e desde já a Mãe deste jovem agradece muito a sua colaboração, só quem tem um filho passando por estas situações sabe o quando não é fácil, e por isso ela já agradece antecipadamente.
Participem,concorra e colabore.
Você estará ajudando alguém que precisa muito, melhor ajudar do que ser ajudado, pense nisso.
 
O que é Esclerose Múltipla?
 

A Esclerose Múltipla (EM) é uma doença neurológica, crônica e autoimune – ou seja, as células de defesa do organismo atacam o próprio sistema nervoso central, provocando lesões cerebrais e medulares. Embora a causa da doença ainda seja desconhecida, a EM tem sido foco de muitos estudos no mundo todo, o que têm possibilitado uma constante e significativa evolução na qualidade de vida dos pacientes. Os pacientes são geralmente jovens, em especial mulheres de 20 a 40 anos.
A Esclerose Múltipla não tem cura e pode se manifestar por diversos sintomas, como por exemplo: fadiga intensa, depressão, fraqueza muscular, alteração do equilíbrio da coordenação motora, dores articulares e disfunção intestinal e da bexiga.
A ABEM estima que atualmente 35 mil brasileiros tenham Esclerose Múltipla.
 
A Esclerose Múltipla:
NÃO é uma doença mental.
NÃO é contagiosa.
NÃO é suscetível de prevenção.
NÃO tem cura e seu tratamento consiste em atenuar os afeitos e desacelerar a progressão da doença.
Sintomas mais comuns
Fadiga
Sintoma debilitante de instalação imprevisível ou desproporcional em relação à atividade realizada. A fadiga é um dos sintomas mais comuns e um dos mais incapacitantes da EM. Manifesta-se por um cansaço intenso e momentaneamente incapacitante. Muito comum quando o paciente se expõe ao calor ou quando faz um esforço físico intenso.
Alterações  fonoaudiológicas
Pode surgir no inicio da doença ou no decorrer dos anos alterações ligadas a fala e deglutição com sintomas como: fala lentificada, palavras arrastadas, voz trêmula, disartrias, fala escandida (o que é?) e disfagias (dificuldade para engolir: líquidos, pastosos, sólidos).

Transtornos visuais:
Visão embaçada;
Visão dupla (diplopia);
Problemas de equilíbrio e coordenação:
Perda de equilíbrio;
Tremores;
Instabilidade ao caminhar (ataxia);
Vertigens e náuseas;
Falta de coordenação;
Debilidade (pode afetar pernas e o andar);
Fraqueza geral.
Espasticidade
A espasticidade é arigidez de um membro ao movimento e acomete principalmente os membros inferiores.
A parestesia compromete a sensação tátil normal. Pode surgir como sensação de queimação ou formigamento em uma parte do corpo;
Outras sensações não definidas como a dor, por exemplo.
Transtornos cognitivos
O paciente pode apresentar sintomas cognitivos, ou seja; de memória, durante qualquer momento da doença, e independe da presença de sintomas físicos/ motores. As funções cognitivas mais frequentemente comprometidas são no processamento da memória e na execução das tarefas. Os indivíduos se queixam muito que levam mais tempo para memorizar as tarefas e possuem mais dificuldades para executar as mesmas.
Transtornos emocionais
Pode haver sintomas depressivos, ansiosos, transtorno de humor, irritabilidade, flutuação entre depressão e mania (transtorno bipolar).
Sexualidade
Disfunção erétil, nos homens.
Diminuição de lubrificação vaginal nas mulheres.
Comprometimento da sensibilidade do períneo (região da genitália), interferindo no desempenho do ato sexual.fonte DAS INFORMAÇÕES SOBRE ECLEROSE : http://abem.org.br/esclerose/o-que-e-esclerose-multipla/
 
Fonte da matéria : Adriano Diogo ( Destakinews )
 
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »