Destakinews Publicidade 728x90
27/08/2019 às 14h18min - Atualizada em 27/08/2019 às 14h18min

Corredor Ecológico: Programa busca produtores para ganhar mudas e assistência técnica

Aconteceu na última sexta-feira, 23, a reunião entre Casa da Floresta e SEDEMA para tratar do Programa de Fomento Florestal no Corredor Ecológico do Rio Sucuriú, desenvolvido pela CTG Brasil, companhia que opera as hidrelétricas de Jupiá e Ilha Solteira.

O fomento florestal do corredor ecológico do Rio Sucuriú busca promover a recomposição florestal de áreas protegidas por meio de parcerias com as comunidades, instituições e proprietários rurais no território de 5km a partir das margens do Rio Sucuiú.
Serão distribuídas 170 mil mudas nativas ao longo de 2 anos e será fornecida assistência técnica gratuita para auxiliar nas práticas de reflorestamento das áreas.
No entanto, a empresa está com dificuldade de encontrar produtores rurais interessados em aderir ao programa. 
A empresa precisa de pelo menos 15 propriedades para iniciar os trabalhos até final de outubro. Até o momento possui 7 proprietários interessados. Em Chapadão do Sul apenas 1 propriedade manifestou interesse até o momento.
A Prefeitura por meio da SEDEMA está apoiando o programa e garante que trará muitos benefícios para a região e aos proprietários no processo de regularização do CAR, dentre outros: melhora a qualidade da água do rio; ajuda no controle de pragas da agricultura; contribui para a preservação do solo, evitando a erosão; melhora a biodiversidade; preservação das nascentes e matas ciliares.
Podem participar propriedades rurais inseridas na zona de abrangência do Corredor Ecológico do Rio Sucuriú (conforme mapa abaixo) e que não possuem autuações ambientais na propriedade.
A SEDEMA conta com o apoio do Sindicato para viabilizar a recuperação do maior número de áreas possíveis no município, representante do Sindicato Rural de Chapadão do Sul foi convocado para a reunião, no entanto, por motivo de agenda, não pôde participar.
Interessados em aderir podem entrar em contato com a SEDEMA: 3562-1821 (Priscila) ou diretamente na Av. 11, 1000.
Fonte: Prefeitura de Chapadão do Sul
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Destakinews Publicidade 1200x90