11/06/2019 às 14h21min - Atualizada em 11/06/2019 às 14h21min

Morre Manoel Ortolan, um dos mais importantes representantes do setor, grande líder dos produtores e um apaixonado pela cana-de-açúcar

Uma notícia abala o mundo sucroenergético, principalmente os produtores de cana, morreu na manhã desta terça-feira, 11, Manoel Carlos de Azevedo Ortolan. Engenheiro agrônomo, empresário e produtor rural.

Ortolan era diretor presidente executivo da Copercana e presidente da Canaoeste, entidades que o líder associativista pertencia há mais de 40 anos. Durante sua carreira profissional, foi membro de diversas entidades representativas do agronegócio.
Muitos integrantes do setor se pronunciaram nas mídias sociais sobre a morte de Ortolan. “Hoje o agronegócio fica triste, perdemos o Engenheiro Agrônomo Manoel Carlos Azevedo Ortolan, Esalqueano, Presidente da Copercana. Uma estrela que sai do nosso convívio e passa ao plano superior. Superior também foi como ele deixou nosso cooperativismo, nossas associações, nosso agronegócio. Seu estilo amigo, sensível e sua capacidade de escutar, compreender as diferenças e trabalhar pelo consenso olhando o futuro são únicas. Sempre se dedicando às causas sociais, um brasileiro superior”, destacou o professor Marcos Fava Neves, em sua página no Facebook.
“Hoje um grande amigo foi morar no céu. Manoel Ortolan estará sempre presente em nossas vidas. Exemplo de homem de família, trabalhador, cooperativista, engenheiro agrônomo, produtor rural, ser humano. Sempre lutou pela valorização da cana de açúcar, dos agricultores e dos homens livres e de bons costumes. Nos fará muita falta”, ressaltou Bruno Rangel Geraldo Martin, diretor-presidente da Socicana – Associação dos Fornecedores de Cana de Guariba, em sua página no Facebook.
Sim, Ortolan fará muita falta. Mas ele cumpriu sua missão de forma digna e deixará muito aprendizado a ser seguido. Agora, descanse em paz!
Aos familiares e amigos, nossos profundos sentimentos!
Fonte:Canaonline
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »